pesquisar

Mostrando postagens com marcador dicas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador dicas. Mostrar todas as postagens

25 maio 2013

Esmalte e outros termos sobre unhas decoradas em Inglês

Olá meninas, eu sei que o iEsmalte é um blog sobre esmaltes e unhas decoradas e não um curso de idiomas (até por que eu não tenho cacique para isso). But... (Ok, não vou me empolgar), mas, como todos sabem, hoje o idioma inglês é visto como língua universal, principalmente na web...

Este post é um compilado de dicas para você que não está com o inglês em dias, ou simplesmente desconhece alguns dos principais termos do mundo das unhas decoradas (nail art world) :D.

So, let's get started!

Esmalte

Obviamente, o primeiro termo que iremos discutir é o próprio esmalte. Hoje, na internet, existem duas principais variações utilizadas para nosso queridinho: lacquer e nail polish (ou simplesmente polish). Segundo o Wikipedia, nail polish é um tipo de lacquer utilizado em unhas humanas, ou seja, o termo lacquer é mais abrangente, não se referindo apenas a esmalte para unhas. Contudo, na prática o que vejo é que o pessoal utiliza ambos os termos livremente e sem distinção quando querem se referir a esmaltes... o que me leva a crer que esta página do Wikipedia está um tanto desatualizada (vale lembrar que a língua se renova sempre!). Assim, tenha sempre em mente que você poderá encontrar facilmente até três variações para esmalte: lacquer, nail polish e polish.

Unhas da mão, unhas do pé

Ok, esta é fácil, mas vale como um lembrete. Apesar de unha ser traduzida como nail apenas, é muito comum que queiramos nos referenciar às unhas da mão ou do pé, especificamente. Sendo assim, vale lembrar que nas mãos nós temos fingers (dedos) e nos pés nós temos toes (dedos). Ou seja, nós possuímos finger nails (na mão) e toe nails (no pé).

Base e extra-brilho

Já falamos sobre os esmaltes, mas e as bases e extra-brilhos? Já sei, base é base mesmo e extra-brilho seria algo do tipo extra-bright, correto? Errado! Nem sempre a tradução literal é válida. Algumas vezes o mesmo item possui diferente nomenclatura em outra região, por exemplo, esmalte em Portugal é conhecido como verniz (oO). Assim a tradução correta para base e extra-brilho é base coat e top coat respectivamente. E convenhamos que faz todo sentido, não? Coat significa camada, logo, camada da base e camada superior ;). Na verdade o próprio termo extra-brilho muitas vezes é empregado erroneamente, visto que o mesmo trata-se apenas de um tipo de cobertura (o próprio top coat) utilizada para dar mais brilho ao esmalte. Existem outros tipos de coberturas utilizadas para fortalecer, secar, ativar a cor...

Filha única

Se você acompanha as novidades sobre unhas decoradas com certeza conhece o termo filha única, utilizado para descrever quando apenas uma das unhas (geralmente a unha do dedo anelar) é pintada com cor ou forma diferente da demais. Mas em inglês, como é que é? Nem tente only daughter ou only child, ok? A tradução correta é accent nail.


Francesinha

Até que em fim, uma tradução literal. Em inglês podemos dizer French nail ou French mani tranquilamente que estaremos utilizando os termos corretos para as unhas onde apenas as pontas são pintas, geralmente de alguma tonalidade de branco.

Removedor de esmaltes

O removedor de esmaltes, também conhecido como acetona (famosa substância utilizado em muitos removedores, que aliás deve ser evitada) possui tradução literal. Assim podemos dizer nail polish remover.

NOTD

NOTD é a sigla de nail of the day, muito comum na web, e pode ser traduzida para português como: unha do dia.

Lembra de um termo não incluído aqui? Alguma coisa errada? Deixe seu comentário! ;)

Se você chegou a este post em busca de dicas de inglês, gostaria de te indicar o Tecla SAP, um blog  especializado no assunto!

15 maio 2012

Conheça os Diferentes Acabamentos de Esmaltes

Conheça os Diferentes Acabamentos de Esmaltes
Olá pessoal, hoje vamos aprender um pouco sobre os diferentes tipos de acabamentos de esmaltes. Não que eu seja uma conhecedora profunda no assunto, mas aprendi a diferenciar alguns deles, por que é um assunto que interessa a mim, e a você também, já que está lendo isso.

Muitas pessoas confundem determinados tipos de acabamentos de esmaltes, e isso dificulta muito na hora da compra ou pesquisa, então vamos falar um pouco sobre eles (os mais comuns e procurados). Então vamos lá!

Cremoso: Sendo o mais comum dos acabamentos, os cremosos são também mais fáceis de encontrar e diferenciar. Eles possuem apena a cor, sem efeitos nem glitter, ficando liso e lustroso.

Esmalte Cremoso


- Jelly: Não muito conhecido por aqui, esse acabamento tem, como o nome já diz, um aspecto meio gelatinoso, eles são muito parecidos com os cremosos, porém, um pouco transparente, geralmente são utilizados como base para outros esmaltes.

- Cintilante: É uma cobertura cremosa colorida, contendo brilhinhos sutis e delicados. São uns dos mais antigos e procurados, geralmente usados por cima dos cremosos combinando as cores.

Glass Flacked: Esse é um pouco difícil de diferenciar, parece que tem pequenas partículas de vidro misturadas numa base Jelly, o aspecto é liso e muito brilhante.

- Metálico: Geralmente confundido com o cromado, esse acabamento contém tons de metais como ouro, prata e bronze. Deixa as unhas lindas, como se pintadas com metal líquido.

- Acetinado: Tem um aspecto que lembra o matte, só que com um pouco de brilho. Não é um brilhante como um cremoso mas também não é totalmente fosco.

- Matte ou Fosco: Depois que secam, esses esmaltes tendem a ficar totalmente fosco, ou seja, sem qualquer vestígios de brilho, sua secagem é mais rápida e sua durabilidade é menor em relação às outras.

Esmalte Com Efeito Fosco


- Craquelado: Este deve ser usado por cima de outro esmalte, de cor diferente, fica parecendo que o esmalte rachou, e o formato que ele toma é sempre uma surpresa, tornando impossível que uma unha fique igual a outra.

Esmalte Craquelado

- Flocado: São flocos ultra finos de brilhos misturados numa cobertura Jelly, diferente dos glitters eles não interferem na consistência do esmalte, ficando assim uniforme e liso, sua cor muda de acordo com a incidência da luz.

Esmalte Flocado


- Duochrome: Geralmente brilham entre duas ou mais cores, dependendo da luz e tem um aspecto parecido com o metálico,

- Neon: Sua característica principal é a cor muito forte e vibrante, e quando seca fica semi-fosco.

Esmalte Neon

- Holográfico: Os holográficos possuem características parecidas com esmalte com glitter, só que ao contrário deste, os holográficos contém micropartículas que refletem luzes multicoloridas, o brilho é mais intenso com um efeito 3D lindíssimo e o acabamento fica mais bonito (na minha opinião), além de não ficar com aquele aspecto áspero que os esmaltes com glitter tem.

Esmalte Holográfico

- Glitter: são os esmaltes com partículas de glitter, misturado em uma base Jelly. Funciona como cobertura e fica com aspecto granulado.

Existem também os glitters com formatos diferentes (redondos, tirinhas estrelinhas, corações...).

- Glitter Holográfico ou 3D: Ele pode facilmente ser confundido com o esmalte holográfico, mas diferente deste, o esmalte com efeito 3D contém glitter holográfico, que refletem as cores do arco-íris dependendo da luz, ele tem textura áspera de glitter mesmo, já os holográficos são cremosos e a textura fica lisinha como um esmalte comum.

- Magnéticos: Esses esmaltes contém em sua composição partículas de metal, utilizado com um ímã as partículas se reorganizam formando diferentes desenhos (eu quero!).

Então é isso, claro que não falei sobre todos os acabamentos que existem (e nem saberia fazê-lo), porém, eu quis esclarecer ao menos os mais comuns, e que mesmo assim as pessoas tem dúvidas. Espero que tenha ajudado e que gostem, um super beijo e até mais!

18 abril 2012

Dica: Como Organizar seus Esmaltes

Não, eu não quero te ensinar a organizar suas coisas! Mas falando sobre esmaltes, alguns cuidados são necessários na hora de armazenar cada vidrinho.

Antes de me tornar uma apaixonada por esmaltes, cometi alguns erros no armazenamento de meus vidrinhos. Talvez o pior deles, tenha sido um dos mais comuns: guardar os esmaltes em uma necessaire ou algo do gênero. O problema não é a necessaire em si, mas sim o fato de que, dificilmente você conseguirá manter todos os seus vidros devidamente em pé.

Quando armazenados deitados, os esmaltes podem sofrer mutação em sua consistência, em outras palavras, podem simplesmente estragar. Além disso, quando deitado, o esmalte tende a escorrer para a rosca da tampa, podendo endurecer e dificultar sua abertura.

Outra vantagem obtida ao organizar seus esmaltes verticalmente, lado a lado, é a facilidade na hora que precisar escolher um. Quando deitados uns sobres os outros, toda vez que você necessitar de um que esta embaixo dos demais, terá o trabalho de remover todos os anteriores.

Você pode ainda organizá-los por cor e/ou marca conforme desejar. Este tipo de ordem irá ajudá-la na hora da escolha. Mas é sempre bom medir os esforços... Por exemplo, nas fotos a seguir eu não organizei os meus por cor nem por marca, isso por que nesta vasilha possuem poucos esmaltes, de maneira que daria mais trabalho mantê-los organizados por cor e/ou marca do que para escolher o que desejar.

O ideal é organizar seus esmaltes em uma caixa que possibilite que todos eles fiquem devidamente na posição vertical, como os meus nas fotos acima e abaixo.

Além disso, é necessário manter o local fresco e arejado. E principalmente, evite locais muito quente, caso contrário, seus esmaltes irão engrossar rapidamente!

Espero ter ajudado. Até a próxima!


12 abril 2012

Dica: Como Remover Esmaltes com Glitter

Hoje eu quero compartilhar com vocês uma técnica muito útil para a remoção de esmaltes com glitter ou 3D.

Remover esmaltes que contêm glitter pode ser uma tarefa realmente árdua.

Algumas meninas chegam a desistir desse tipo de esmaltação unicamente pela dificuldade na hora de remover.

Pois bem, como diria aquele velho programa de humor: seus problemas acabaram! :)

A técnica que facilita a remoção de esmaltes é muito simples e prática. Em apenas 3 passos e cerca de 4 minutos, você terá se livrado do esmalte antigo!

Passo a passo:

Passo 1 - Conforme ilustrado na imagem abaixo, envolva as unhas em um pedaço de algodão encharcado com removedor (evite utilizar os que levam acetona na composição).




Passo 2
- Após aproximadamente 2 minutos (tempo necessário para o removedor amolecer o esmalte), puxe o algodão no sentido do dedo, seguindo a direção da mão para a ponta da unha. Veja na imagem abaixo que o esmalte sai completamente no algodão.



Passo 3
- Por fim, basta retirar o restinho que ficou nos cantos da unha. Para isso use um pedacinho de algodão na ponta de um palito!

Bom, agora você poderá utilizar seus esmaltes com gliter ou 3D sem problemas!

Beijos e até a próxima!


04 abril 2012

Por Que Usar Base?

Oi gente, Hoje vamos falar um pouco sobre base.

A base tem como objetivo inicial preparar a superfície da unha para receber o esmalte, deixando-a uniforme, caso tenha alguma irregularidade, ajudando na fixação, facilitando a aplicação e ainda protegendo a unha dos corantes contidos nos esmaltes, que podem causar manchas ao longo do tempo (Se você já pintou a unha de vermelho, e quando tirou, ela ficou laranja, sabe do que eu estou falando).

Existem muitas marcas e efeitos de bases no mercado, têm aquelas com acabamento cetim, seda, com fortalecedor, hidratante de cutícula e por aí vai. Em geral elas custam quase o mesmo preço dos esmaltes.

Muitas pessoas acham que não faz diferença alguma usar ou não a base. Já outras têm preguiça ou acreditam que o esmalte vai ficar muito grosso, podendo assim descascar mais rápido, o que não é verdade, não se você souber aplicar a base de maneira correta.

Sendo assim, gostaria de compartilhar algumas dicas com vocês:
  • Antes de tudo, limpe as unhas com a ajuda de um algodão embebido em removedor (dê preferência aos removedores sem acetona);
  • Em seguida, lave bem as mãos com água e sabão pra retirar o excesso do removedor, ele pode alterar a eficácia da base;
  • É importante secar bem as unhas;
  • Aplique a base em todas as unhas, tendo cuidado para não encharcar muito o pincel;  Espere a base secar bem antes da aplicação do esmalte;
  • Pinte suas unhas com o esmalte que desejar, e sempre finalize com o Top Coat (esta duplinha vai fazer milagres nas suas mãos!).

Esses são os benefícios de se usar a base antes da esmaltação. Então, se você mesma faz suas unhas, nada de preguiça. Se faz com uma manicure, exija que ela aplique a base, você vai sentir a diferença na qualidade e na duração do seu esmalte!

29 março 2012

Dica: Top Coat (extra brilho)

Olá meninas, hoje eu gostaria de falar um pouco sobre o top coat.

Mais conhecido como extra brilho, este finalizador serve principalmente para:

- intensificar o brilho;
- aumentar a durabilidade do esmalte;
- disfarçar imperfeições (como aquelas bolinhas de ar chatas!);
- reduzir o tempo de secagem do esmalte.

É possível ainda encontrar alguns modelos de top coat que além de dar um up no brilho, intensificam também a cor do esmalte.

Atualmente existem diversas marcas e modelos disponíveis no mercado. Alguns melhores, outros nem tanto... Eu particularmente gosto muito do Colorama Cobertura Intensificadora da Cor (este da imagem acima), que custa aproximadamente o mesmo valor de um esmalte da mesma marca.